O dia a dia do seu automóvel aqui relatado em primeira mão e com todos os detalhes
#75021
Stiggas Escreveu:Dois meses antes.

O tempo está nos links que indiquei... e também não acertaste... :roll:

De acordo com o artigo 3.º do Decreto-Lei n.º 554/99, de 16 de Dezembro, alterado pelo Decreto-Lei n.º 136/2008, de 21 de Julho, os veículos devem ser apresentados às inspecções durante os 3 meses que antecedem o dia do mês da primeira matrícula, com a periodicidade indicada no quadro abaixo. Exceptuam-se os automóveis construídos e matriculados antes de 1 de Janeiro de 1960, considerados de interesse histórico.
#75031
Eu não li nada, baseei-me no que me dizem os inspetores.

Em Janeiro levo o 160, megane, mercedes e kangoo do meu pai. São todos de 01/02 e 03.
#75374
Nada de novo a reportar.
Faz 78.000km e 6 anos, o que dá uma média de 13.000km.
Tem média de consumo de 5.7l, mas já algum tempo que não faço reset aos consumos.
Quando ligo o AC nota-se a falta de potência nos arranques (é a gasolina, normal) mas de resto porta-se bem.

Já vi o novo Ceed e acho um espectáculo, muito lindo mesmo, cheio de qualidade.
As gaivotas e os seus "presentes" é que me tiram do sério, devem olhar para o carro que mais brilha e «toma lá disto». Tenho que lavar com cuidado para não riscar a pintura.
#76901
Boas meus caros.

Fico contente por ainda ser dos diários mais vistos entre os demais. Obrigado a todos.
Entretanto o bicho está de aniversário no dia 01-06, fará 7 anos e conta com 178 mil kms.

Entretanto desde da ultima intervenção é de salientar o facto de ter ter tido um problema nos travões. Os tubos dos mesmos, à frente, entupiram (segundo o mécânico disse) e então o carro estava a consumir muito porque por causa dessa situação as pastilhas estavam em contacto com os discos, logo estava em constante travagem. Não era muito evidente, mas notei pelo consumo que estava em dobro do normal e de facto notava alguma lentidão nas acelerações.

Segunda situação é o rádio, que ainda estou a resolver. O som, a partir do volume 15 (de 0 a 35) o som sai distorcido, como se as colunas estivessem rotas. Além de mais, todos os botões do painel frontal não funcionam, a não ser apenas o botão POWER. Os controlos faço-os a partir dos botões no volante.

Penso que seja um problema mesmo do auto-rádio, pois até ao volume +/- 15 (dependendo da qualidade da música e dos graves) esses saem muito bem. Depois de forma gradual ficam muito distorcidos até ao ponto que não se consegue ouvir.

Das 2 uma, ou o auto-rádio avariou ou então alguma tomada está mal conectada na parte interior.
Já levei a um entendido que me disse que teria que ser rádio novo, mas não me apatecia estar a perder as conecções e funcionalidades da pen e aux para além da info que surge no painel de informativo. Pelo que, já estive na net a ver como retirar o auto-rádio e então é isso que vou fazer. Vou retira-lo, verificar as licações e fazer algumas experiências. Caso não resolva... não sei se me apetece pagar uns 80 euros...

Abraço
#77927
O meu Kia Ceed 1.4 CVVT fez 100k Km e tem quase 8 anos.
Continua o mesmo como eu já aqui reportei: económico e fiável.
No mês passado foi à revisão programada e em Junho irá à inspecção.
Já tem uma mancha na tinta devido aos "presentes" das gaivotas, aquilo é corrosivo.
Gosto dos novos Kia ceed, bom design. Espero que a fiabilidade se mantenha.
#78416
Boas!

8 anos e mais de 200 mil kms depois o bicho requer serviço.
Há umas semanas o turbo foi-se! Já andava a consumir óleo e aquando condução em AE, o acelerador perde resistência e quando olho pelo retrovisor, vejo uma enorme e densa nuvem branca.

Foi para a oficina e o turbo deixou de funcionar.
Turbo novo (concorrência) e mais 3 litros de óleo, e a foram 815 €!!!

O anterior era de geometria variável e fazia o assobio típico que sempre fez. Agora já não há assobio e a potência parece estar mais uniforme na subida das rotações sem sentir o empurrão do mesmo a partir das 1900 rpm. Presumo que é a prova que o turbo é novo e não foi rectificado.

No entanto a embraiagem é de origem e neste momento parece estar a dar sinais de que é necessária nova. As mudanças custam a engrenar, por vezes arranha bastante na marcha-atrás como na primeira. Embora por vezes as outras quando engrenadas, parecem ficar soltas, muito leves, parecendo de vão desengrenar.

Estarei certo que seja necessário novo kit de embraiagem?
Já falei como mecânico e o mesmo referiu que até é um feito a mesma ter durado mais de 200 mil km. No entanto já me informação que serão cerca de 400 euros pelo kit + mão de obra. Que acham?
#78418
Bem vindo de novo. :)

Isso são más noticias. :?

Costumas ter cuidado com o motor a frio? Isso costuma ser fatal para o turbo...
Desligar o motor mal se para o carro também pode provocar alguns danos porque supostamente o turbo está ainda em grande velocidade e pode haver corte do fluxo de óleo.
  • 1
  • 57
  • 58
  • 59
  • 60
  • 61